Ninguém te vai parar, perguntar...Fazer saber...Porquê?

Um pouco mais de música portuguesa...

" Ninguém te vai parar, perguntar...
Fazer saber... Porquê?
Honra tanto esmero, cala o desespero,
É simples, tudo o que é da vida herdou sentido,
Tem-te se for tido, sabe ser vivido,
Fala-te ao ouvido e nasces tu..."


Rosa Sangue - Amor Electro


Ninguém te vai parar, perguntar... 
Fazer saber... Porquê? 

Vais ter de te oferecer, 
E entender, o que fará viver? 

Vê, não basta ir, voar, seguir, 
O cerco ao fim, 
Aperta, trai, morde, engana a sorte, cai, 
Não lembra de ti... 

É só o amor desfeito, 
Rosa sangue ao peito, 
Lágrima que deito, 
Sem voltar atrás! 

Cresce e contamina 
Tolhe a luz à vida, 
Que afinal ensina, quebra, 
Dobra a dor e entrega amor sincero. 

Honra tanto esmero, cala o desespero, 
É simples, tudo o que é da vida herdou sentido, 
Tem-te se for tido, sabe ser vivido, 
Fala-te ao ouvido e nasces tu... 

Ninguém te vai parar, perguntar... 
Fazer saber... Porquê? 

Por isso vê, não basta ir, voar, seguir, 
O cerco ao fim, 
Aperta, trai, morde, engana a sorte, cai, 
Não lembra de ti... 

É só o amor desfeito, 
Rosa sangue ao peito, 
Lágrima que deito, 
Sem voltar atrás! 

Cresce e contamina 
Tolhe a luz à vida, 
Que afinal ensina, quebra, 
Dobra a dor e entrega amor sincero. 

Honra tanto esmero, cala o desespero, 
É simples, tudo o que é da vida herdou sentido, 
Tem-te se for tido, sabe ser vivido, 
Fala-te ao ouvido e nasces tu... 


Vídeo do Youtube

Sem comentários:

Enviar um comentário